Edição

2013

Setembro de 2013 - Edição nº 440 - Mundo Jovem: 50 anos semeando ideias e atitudes - Jornal Mundo Jovem

Edição nº 440 - Setembro/2013 - Jornal Mundo Jovem

Mundo Jovem: 50 anos semeando ideias e atitudes

Edição N° 440 Ano 2013 - Setembro de 2013
  • Priorizando o transporte público, mudamos a vida social
  • Vale a pena buscar uma relação conjugal duradoura
  • Escreve bem quem lê e tem o que dizer
  • Enem: como o exame está mudando paradigmas na educação
Índice > O conteúdo apresentado a seguir é um resumo da edição impressa. Faça a sua assinatura aqui para ter acesso à edição impressa.
Matérias e conteúdo

Realidade Brasileira

Quando o transporte público será prioridade? p. 2

Em junho deste ano, presenciamos grandes manifestações em várias cidades brasileiras. A mobilização é tanta que tem repercutido no mundo inteiro. E o motivo inicial que levou as pessoas a saírem às ruas foi o aumento da passagem do transporte público.

Eduardo de Lima Caldas professor de Gestão de Políticas Públicas na USP, bolsista de pós-doutorado da Capes no CIRAD-França. Patrícia Laczynki doutora em Administração Pública e Governo pela FGV (SP) e pesquisadora da Entrelaços Assessoria, Estudos e Pesquisas.
  • Sugestão de Site

    www.mobilize.org.br - Portal que busca difundir práticas mundiais de transportes coletivos integrados que melhorem a qualidade dos ambientes urbanos.

Filosofia

Filosofia, um eterno jogo de saberes p. 4

Filosofar é entrar num emaranhado de saberes que, com frequência, nos proporcionam um jogo filosófico divertido e desafiador. São temas que se relacionam e determinam as relações de poder que se dão a partir do conhecimento.

Odilon Conceição Cuti professor de Filosofia na Escola Estadual de Ensino Médio São Vicente, São Vicente do Sul, RS. http://odiloncuti.blogspot.com
  • Atividade

    Dispostos a filosofar?

    Após ler o texto com os jovens, forme grupos, separando para cada um as perguntas que se encontram ao final dos conceitos no artigo. Os grupos poderão pesquisar mais em outros textos e materiais, e buscando responder as dúvidas do autor.
    O importante é que o debate seja intenso, apresentando respostas com opiniões convergentes e/ou divergentes. Ao final, com ajuda do professor, pode-se analisar se os diferentes conceitos apresentam correlação.
     

Ciências Naturais

Pesquisa e inovação: o caminho do desenvolvimento p. 5

A ciência, como ferramenta de desenvolvimento, não é uma obra pronta e acabada, assim como uma obra de arte famosa. Usando essa mesma analogia, sabemos que existiram muitas teorias que eram consideradas perenes e irrefutáveis e, ao longo do tempo, se desfacelaram.

Luiz Marcos Scolari Professor de Física e coordenador de exposições do Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS.

Sexualidade

Pornografia: a exigência sexual ilimitada p. 6

A pornografia tem uma longa história e coincide com a própria aventura humana. Ela pode ser definida como uma expressão humana do sexo que visa a despertar pensamentos, interesses e práticas sexuais, acompanhadas ou não de explorações comerciais.

Edvaldo Souza Couto doutor em Educação pela Unicamp e professor na graduação e pós-graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA.
  • Atividade

    De olho na mídia

    Que tal pesquisar imagens, textos, letras de música em que está retratada a “pornografia espetacularizada”? Posteriormente, pode-se fazer um painel com imagens e textos e oportunizar uma roda de debates com a turma, problematizando as atitudes individuais e coletivas que podemos ter em nossa vida.

Pais e Filhos

Vida a dois: uma conversa com meus filhos e netos p. 7

Quais são as dificuldades do relacionamento conjugal nos dias atuais? O que é importante observar no cotidiano? É possível, hoje, uma relação ser estável e prolongada? Para falar sobre isso, pensei: o que gostaria de dizer para meus filhos e netos?

Lídia Finkler orientadora educacional, terapeuta comunitária, de casal e de família. Vale do Sol, RS.

Saúde e Bem-Viver

Os riscos da má alimentação p. 8

A saúde, o quadro de adoecimento e a mortalidade têm íntima relação com a alimentação e a nutrição, assim como com as condições e a qualidade de vida. Quando se compreende que a saúde está estreitamente ligada ao estilo de vida das pessoas, a construção da concepção de vida saudável é ampliada.

Juliana Montesso nutricionista, mestre em Saúde Coletiva, Niterói, RJ.
  • Sugestão de Vídeo

    No documentário Super size me - a dieta do palhaço, o diretor decide ser a cobaia de uma experiência: alimentar-se apenas em restaurantes da rede McDonald’s, realizando neles três refeições ao dia durante um mês. Podemos acompanhar os efeitos físicos e mentais que os alimentos desse tipo de restaurante provocam.

Arte na Escola

A dança como estímulo à criatividade e à socialização p. 9

A arte, em suas diferentes manifestações, é bem explorada nos currículos escolares. A pintura, as artes plásticas, a música são formas muito valorizadas. Mas a dança, apesar de ainda ter pouco destaque no âmbito escolar, está sendo descoberta.

Luis Felipe Silveira professor, coordenador do curso de Especialização em Dança e do projeto "Bailando na PUCRS", Porto Alegre, RS.
  • Sugestões de Leitura

    Dançando na escola, de Isabel Marques. São Paulo: Cortez, 2003.

    Escola em dança: movimento, expressão e arte, de Lisete Vargas. Porto Alegre: Mediação, 2007.

    Dança escolar, um novo ritmo para a educação física, de Vanja Ferreira. Rio de Janeiro: Sprint, 2005.

  • Sugestão de Filme

    Vem dançar comigo (1992). Dançarino recusa-se a dançar tecnicamente e cria seus próprios passos de dança. Direção: Baz Lhurmann. 94 min.

Ensino Religioso

A religião faz parte da cultura p. 10

"Como o mundo mudou, como as coisas estão diferentes." Sempre me surpreende a facilidade com a qual afirmações como estas são repetidas pelos mais diversos grupos e indivíduos. Me surpreende porque são afirmações óbvias, pois o mundo e a sociedade estão em constante transformação.

Eduardo da Silva Santos padre, professor na Faculdade de Teologia da PUCRS e diretor do Mundo Jovem.
  • Atividade

    Dica de pesquisa

    Observando as contribuições da religião com a nossa cultura, que tal fazer uma pesquisa em nossa cidade e comunidade? Pode-se buscar descobrir:

    1. Que traços religiosos podemos verificar nas diversas expressões artísticas (música, teatro, escultura, literatura etc.)?
    2. Em que o Brasil se distingue de outros países nessa relação entre religião e cultura?
       

Diversidade Cultural

Que mundo jovem é esse? p. 11

O Mundo Jovem está presente em cerca de quatro mil municípios do Brasil. Nossos textos são lidos em escolas, grupos de jovens, movimentos sociais e famílias. Essa diversidade de leitores nos impulsiona a buscar compreender quem é a juventude brasileira, em cada momento de nossa história.

Equipe Mundo Jovem
  • Sugestões de Leitura

    Além dos textos publicados nas edições do nosso jornal, dois livros organizados pelo Mundo Jovem abordam em profundidade as temáticas das juventudes:


    Culturas juvenis dinamizando a escola;


    Educação, juventudes e comunicação - 50 anos do Jornal Mundo Jovem (acompanhado de um DVD sobre a história do jornal).

  • As juventudes retratadas no Mundo Jovem

    Nesta edição fechamos uma retrospectiva dos principais momentos do jornal Mundo Jovem. Aqui buscamos compartilhar com você nosso diálogo pleno com as juventudes, suas caras, lutas e bandeiras.

    • Edição 28, junho/julho de 1968 – Nossa juventude é frouxa?
    • Edição 58, setembro de 1972 – Tudo sobre o Segundo Congresso da Juventude Cristã
    • Edição 76, setembro de 1974 – Saiba como organizar um grupo de jovens
    • Edição 119, junho de 1979 – O desafio que Puebla deixou para os jovens
    • Edição 141, outubro de 1981 – Jovem: realidade que transforma o mundo
    • Edição 178, novembro de 1985 – JOC: proposta de organizar a juventude trabalhadora
    • Edição 265, outubro de 1995 – Jovens fazendo a vida acontecer
    • Edição 282, setembro de 1997 – Reorganização do trabalho: o jovem precisa saber mais
    • Edição 313, fevereiro de 2001 – Viva a vida sem drogas
    • Edição 362, novembro de 2005 – A esperança nos dá a razão de viver

Juventudes

Um projeto que completa 50 anos, não por acaso p. 12-13

O slogan do cinquentenário do Mundo Jovem, "50 anos semeando ideias e atitudes", quer traduzir de alguma forma o conteúdo das 440 edições impressas até hoje. Não se trata apenas de colher louros do passado, mas representa um reconhecimento a um trabalho cooperativo e interativo que envolveu milhares de pessoas. Também lançar um olhar para o futuro, uma convocação de todos os leitores para levar adiante esse projeto de comunicação. Escutamos algumas pessoas que participam desta história, cujos depoimentos alimentam nossa utopia.

Equipe Mundo Jovem

Projeto Pedagógico

Mundo Jovem: o toque inicial para a leitura p. 14

Consideramos que uma das funções da escola é também a de ensinar o educando a gostar de ler e fazê-lo com prazer. No relato que descrevemos, trazemos a prática bem-sucedida que iniciamos com o uso do jornal Mundo Jovem como ponto de partida para a realização do projeto.

Síria Maria Christ Birck professora de Língua e Literatura no Colégio Estadual Japão. Porto Alegre, RS.

Língua e Literatura

Dicas para aprender a escrever bem p. 15

É inegável o poder da escrita e sua onipresença, hoje, em nossa vida: a internet nos permite a conexão imediata, em redes, com milhares de outras pessoas. A onda de protestos, que levou às ruas milhares de brasileiros, é o mais visível indício de que o poder aproxima-se, inexoravelmente, das mãos do povo.

Luzia de Maria doutora em Letras pela USP e autora, entre outros, dos livros Minha caixa de sonhar - Histórias de viagens para jovens de qualquer idade, vols. I e II, da Editora Globo.
  • Atividade

    Clube de Leitura

    Que tal criar em nossa escola um clube de leitura? Trata-se de um encontro descontraído entre crianças, jovens ou adultos que periodicamente se reúnem para compartilhar suas leituras.
    Um mediador, professor ou leitor mais experiente, sugere obras (clássicas e contemporâneas) e cada integrante escolhe o que quer ler. A cada encontro, todos compartilham as impressões da sua leitura.
     

  • Sugestões de Leitura

    A informação: uma história, uma teoria, uma enxurrada, de James Gleick. São Paulo: Companhia das Letras, 2013.

    O clube do livro – Ser leitor, que diferença faz?, de Luzia de Maria. São Paulo: Editora Globo, 2009. Com este livro, a autora recebeu o Prêmio Literário Nacional do PEN Clube do Brasil, 2011, na categoria ensaio.

    A verdade das mentiras, de Mario Vargas Llosa. São Paulo: Arx, 2004.

    O ano da leitura mágica, de Nina Sankovitch. São Paulo: Leya, 2011.

Psicopedagogia

A brincadeira que dá certo na escola p. 16

Já se foi aquela época de repetir conhecimento, de aprender só por aprender. Hoje as crianças aprendem muito mais quando são estimuladas a descobrir as coisas quando refletem, formulam ideias e constroem seu próprio conhecimento e, principalmente, quando se divertem.

Grazielle Rocha França psicóloga, especialista em Psicologia Clínica de Crianças e Adolescentes, Penha, SC.
  • Sugestão de Leitura

    Educação lúdica: técnicas e jogos pedagógicos, de Paulo Nunes de Almeida. São Paulo: Loyola, 1995.

  • Sugestão de Site

    Escola Oficina Lúdica. Site de organização social de São Paulo com dicas de artigos, projetos, brincadeiras regionais do Brasil. www.escolaoficinaludica.com.br

Educação

Enem: determinando currículos p. 17

Da análise das mudanças decorrentes do Enem, podemos depreender que se trata de processo dinâmico e, fundamentalmente, de uma política de Estado, que sofre adequações e exerce forte influência de acordo com as necessidades que a educação brasileira apresenta.

Elizabeth Diefenthaeler Krahe doutora em Educação, professora e orientadora na Faculdade de Educação da UFRGS e pesquisadora da Rede Sulbrasileira de Investigadores de Educação Superior (RIES).
  • Sugestões de Leitura

    Políticas docentes no Brasil: um estado da arte, de B. A. Gatti, E. S. S. Barreto e M. E. A. André. Brasília: Unesco, 2011.

    Reforma curricular de licenciaturas: UFRGS (Brasil) – UMCE (Chile); década de 1990, de Elizabeth D. Krahe. Porto Alegre: Ed. UFRGS, 2009.

    Interdisciplinaridade em ciência, tecnologia & inovação, de A. Philippi Jr. e A. J. Silva Neto. Barueri: Manole, 2011.

  • Sugestão de Site

    http://enem.inep.gov.br - Aqui é possível conhecer o funcionamento e esclarecer dúvidas sobre o Enem.

  • Atividade

    Grêmio estudantil

    Que tal propor um debate na escola para alunos e professores compreenderem melhor a realidade da educação brasileira e as influências do Enem? Pode-se convidar algum especialista para mediar o debate e esquentar a discussão. As questões ao lado podem nortear a conversa.

Sociologia

Projeto do Código Penal: uma reforma que precisa de reforma p. 18

Vivemos em uma sociedade. E uma sociedade precisa de leis, normas, regimentos, meios para regular e manter a convivência entre os cidadãos e preservar seus direitos, pelo bem da coletividade.

Bibiana Rabaioli Prestes estudante de Direito, Santa Maria, RS.
  • Atividade

    Pesquisa

    Que tal propor aos estudantes conhecer um pouco mais sobre os diversos sistemas prisionais do mundo? Pode-se dividir os jovens em grupo e sugerir que pesquisem sobre os sistemas carcerários de Japão, Estados Unidos, Noruega, Alemanha e Argentina, que têm se destacado nos últimos anos. Pode-se fazer um comparativo com os avanços necessários ao Brasil.
     

Educação Ambiental

Cidades e assentamentos urbanos sustentáveis p. 19

Qual é a ideia que nos surge quando pensamos em assentamentos urbanos sustentáveis? Conseguimos visualizar uma imagem sobre isso? A ideia
de assentamentos sustentáveis é plural, coletiva e dialógica.

Francisco Lima arquiteto, urbanista e educador, especialista em Arquitetura Sustentável e atuante em projetos socioambientais, São Paulo, SP.
  • Sugestão de Site

    Movimento Brasileiro de Ecovilas - Aqui é possível encontrar sites de diversas ecovilas do país, informações sobre permacultura, saúde e meio ambiente. http://mbecovilas.wordpress.com

Política e Cidadania

Conjuntura política mundial: entre a barbárie e a civilização p. 20

A multidão se move. Tahrir (Egito), Puerta del Sol (Madri), Syntagma (Grécia), Taksim (Turquia). Os jovens tomam as ruas e as praças em todo o mundo. Também aqui no Brasil. Um grito eclode nas ágoras nos grandes centros urbanos: "Não queremos esse mundo!"

Cesar Sanson professor de Sociologia na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).
  • Atividade

    Mosaico de imagens

    Forme grupos e peça que os jovens selecionem imagens sobre as manifestações no Brasil, para formar um grande mosaico, colando-as em cartaz ou painel. Após, analisar: como a mídia procurou retratar as manifestações? Em que medida as imagens contam a totalidade do que foi vivenciado nas ruas? Há alguma recorrência entre as imagens? O que podemos tirar como conclusão das manifestações realizadas? Já percebemos alguns avanços?

Geografia

Brasil, uma potência continental p. 21

Política e economicamente, a trajetória do Brasil como potência continental na América do Sul caracteriza-se por uma liderança assertiva e positiva. Reafirmar nossa potência continental não significa, porém, ignorar dificuldades ou debates, mas sim avaliar a relevância da América do Sul em nossa história, como parceira.

Cristina Soreanu Pecequilo professora no Centro Universitário Ibero-Americano (Unibero). Autora do Livro: Introdução às Relações Internacionais, Editora Vozes.
  • Sugestão de Leitura

    A projeção internacional do Brasil: 1930/2012, de Paulo Fagundes Visentini. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.

História

Império Russo: da construção do Estado à Revolução p. 22

O estabelecimento do Império Russo resultou de um longo processo de consolidação e centralização do Estado. Ainda nos séculos nove e dez, o Estado Russo feudal estava muito distante da unificação. Nesse período, surgiram muitas cidades que se situavam, em geral, nas grandes rotas comerciais.

Analúcia Danilevicz Pereira professora de Relações Internacionais e do Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais da UFRGS.
  • Sugestão de Filme

    O Encouraçado Potemkin. Em 1905, na Rússia czarista, aconteceu um levante que pressagiou a Revolução de 1917. Tudo começou no navio de guerra Potemkin, quando os marinheiros estavam cansados de ser maltratados. Um clássico do cinema mundial, dirigido por Sergei Eisenstein, em 1925. Duração: 74min.

Curtas e Dicas

50 anos do Mundo Jovem p. 23

Neste mês de setembro o jornal Mundo Jovem completa 50 anos. Na comemoração, incluímos o Seminário Internacional Educação, Juventudes e Comunicação. Realizado em parceria com a Faculdade de Educação da PUCRS, será um momento de debates que irão oportunizar a reflexão, o encontro e a esperança para a construção de um mundo mais justo e com dignidade para todos.

Arquivos e links relacionados
Educação, juventudes e comunicação - 50 anos do jornal Mundo Jovem p. 23

Este livro se propõe a debater questões do tempo atual em torno da educação, das juventudes e da comunicação, temas que há décadas sintetizam o conteúdo das edições do jornal Mundo Jovem. Organizado pela equipe do Mundo Jovem, o livro vem acompanhado por um DVD com um vídeo de depoimentos sobre os 50 anos do jornal. Possui 108 páginas. O livro pode ser adquirido pelo valor de R$ 14,00 (frete incluso).

Arquivos e links relacionados
Deficiente Ciente p. 23

Inclusão e cidadania é o que propõe o blog Deficiente Ciente, divulgando materiais formativos e informativos sobre direitos, lutas e possibilidades da pessoa com deficiência. Também oferece notícias, artigos, campanhas e sugestões culturais.

Arquivos e links relacionados
Informática na Educação p. 23

Também conhecida como TISE, acontece na PUCRS, em Porto Alegre, nos dias 9, 10 e 11 de dezembro a 18ª Conferência Internacional sobre Informática na Educação, realizada pela primeira vez no Brasil. A conferência se baseia na pesquisa, sendo concebida como um espaço para apresentação, intercâmbio e disseminação de experiências em Informática na Educação e em interação humano-computador, em aprendizagem e cognição. Também objetiva o debate no âmbito curricular no que se refere à formação de recurso humano para atuar na área de Informática na Educação. É possível participar, enviando seu trabalho até 30 de agosto.

Arquivos e links relacionados
Datas Especiais p. 23

Confira algumas das principais datas comemorativas em setembro e outubro.

  • Materiais especiais

    Aqui em nosso site você encontra materiais especiais para celebrar e trabalhar em grupos diversas datas comemorativas. Neste período, destacamos a Semana da Pátria e a Semana do Trânsito.

  • Outubro

    1º - Dia Nacional do Idoso.
    12 - Dia da Criança e de Nossa Senhora Aparecida.
    15 - Dia do(a) Professor(a).

  • Setembro

    7 - Independência do Brasil e Grito dos Excluídos.
    8 - Dia Internacional da Alfabetização.
    18 a 25 - Semana Nacional do Trânsito.
    21 - Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência.
    22 - Dia Mundial sem Carro.

Pelo Prazer de Ler p. 23

"A guardiã dos segredos de família", de Stella Maris Rezende. São Paulo: SM, 2011. 79 p.

Celso Sisto escritor, especialista em Literatura Infantil e Juvenil e doutor em Teoria da Literatura.
  • A enorme tia menina

    Nenenzinha, de apenas 13 anos, abdica da vida na casa dos pais para ajudar a criar os quatro órfãos da irmã Lilita. Muda-se para a casa do irmão Sebastião, que tinha ficado com as crianças e dispõe-se a enfrentar Delminda, a cunhada-bruxa, na educação dos pequenos. Com a força gigantesca de quem cresce indefinidamente quando necessário, Nenenzinha enfrenta as ordens e contraordens da bela Delminda, mas também vira criança, coloca-se em pé de igualdade com os sobrinhos, vira costureira, contadora de histórias e heroína.

    Destaca-se no livro a relação afetiva que Nenenzinha consegue manter com as crianças e as soluções criativas que inventa para suportar as adversidades. Ao apoderar-se de um segredo da cunhada, a força da menina redobra, mantém a outra refém e livra as crianças da maldade e da exploração impiedosa.

    Ah, mas preste atenção no jeito de a autora contar a história, em episódios que vão se encaixando, rompendo com a linearidade. O ato heroico de salvamento da família na enchente que tomou conta do lugar e da casa, quando a barragem de Três Marias se rompe, coloca Nenenzinha, definitivamente, em lugar de destaque.

    Neste livro, a autora encontrou um modo subliminar de falar da maternidade, não a biológica, mas esta que se expande pelo caráter de quem assumiu o compromisso de ser mãe dos filhos alheios. Por fim, fica a enorme metáfora, expressa na imagem dos muros que um dia também desabam!

    Stella ganhou o Prêmio Barco a Vapor 2010 com este livro. No ano passado, conseguiu a façanha de ter dois livros como finalistas do prêmio Jabuti 2012, na categoria juvenil, e ainda ganhar, com o livro A mocinha do mercado central, o prêmio de melhor livro juvenil e livro do ano de ficção. Quer mais?!

Encarte: Sociologia

Lipovetsky e sua visão de sociedades

Estamos vivendo os primeiros anos do século 21 e do terceiro milênio. Indiscutivelmente, percebemo-nos envolvidos por um contexto de capitalismo avançado, de consumo desenfreado, globalização, tecnologia e informatização.

Pricilla Braga psicóloga, psicoterapeuta, mestre em Filosofia pela PUCRS e doutoranda em Psiquiatria pela UFRGS, Porto Alegre, RS.
  • Atividade

    De casa para a escola

    Após ler o texto com os jovens, proponha que cada um faça um levantamento de opiniões em casa, buscando saber quais as principais mudanças que a família percebe hoje, em relação a outros tempos. De volta à aula, reúna os jovens em grupos para que cada um compartilhe a sua coleta de opiniões. Convide-os a sintetizar as ideias para um grande painel.
     

A sociedade hipermoderna

Gilles Lipovetsky, apontado como um dos melhores analistas dos paradoxos da nossa sociedade, sustenta que vivemos a hipermodernidade, uma sociedade marcada pelo signo do excesso, pela cultura da urgência e do sempre mais.

Pricilla Braga psicóloga, psicoterapeuta, mestre em Filosofia pela PUCRS e doutoranda em Psiquiatria pela UFRGS, Porto Alegre, RS.
  • Música

    Socorro (Arnaldo Antunes)

    Socorro! Não estou sentindo nada
    Nem medo, nem calor, nem fogo
    Não vai dar mais pra chorar
    Nem pra rir...
    Socorro!
    Alguma alma mesmo que penada
    Me empreste suas penas
    Já não sinto amor, nem dor
    Já não sinto nada...
    Socorro! Alguém me dê um coração
    Que esse já não bate nem apanha
    Por favor!
    Uma emoção pequena, qualquer coisa!
    Qualquer coisa que se sinta...
    Tem tantos sentimentos
    Deve ter algum que sirva (...)

    • Você concorda com os sentimentos expressos nesta letra? Por quê?

  • Sugestões de Leitura

    Alguns livros de Gilles Lipovetsky:

    • A era do vazio. Lisboa: Antropos, 1989.
    • Os tempos hipermodernos. São Paulo: Barcarolla, 2007.
    • A sociedade da decepção. Barueri: Manole, 2007.
    • O império do efêmero: a moda e seu destino nas sociedades modernas. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

Encarte: Ensino Religioso

Aprender a lidar com as doenças

Em geral, não estamos preparados para lidar com a nossa doença e nem com a dos outros. A doença é também uma tarefa espiritual e não apenas física. Refletir sobre o papel espiritual que a doença representa nos ajuda a escutar melhor o próprio corpo e a conviver conosco mesmos com mais prudência e consciência.

Agenor Girardi missionário do Sagrado Coração, bispo na arquidiocese de Porto Alegre, RS.
  • Sugestão de Filme

    Inquietos. Enoch, um jovem que perdeu seus pais em um acidente de carro, conhece Annabel em um velório. A partir daí, constroem um amor profundo e duradouro. Porém Annabel vive uma situação complicada de saúde. Direção: Gus Van Sant. Duração: 91 min.

Saúde tem a ver com paz interior

Uma doença pode ser uma oportunidade de a pessoa voltar-se mais para Deus e permanecer em sua presença o tempo que for necessário. A doença pode ser o local onde Deus quer nos tocar e mostrar sua misericórdia e seu amor.

Agenor Girardi missionário do Sagrado Coração, bispo na arquidiocese de Porto Alegre, RS.
  • Sugestão de Vídeo

    Saúde: direito ao bem-viver

    Produzido pelo jornal Mundo Jovem, procura ver, julgar e propor ações de defesa e cuidado com a saúde. Através de depoimentos de profissionais e usuários, de músicas e poesias, o vídeo aborda a saúde de forma integral e integrativa, como meio e condição para o nosso bem-viver. Duração: 30 min
    Mais informações: www.mundojovem.com.br/produtos/dvds

Receba a newsletter Mundo jovem Fechar
Solicitação enviada Fechar
Índice Fechar
Mundo Jovem: 50 anos semeando ideias e atitudes Edição N° 440 Ano 2013 - Setembro de 2013
    • Realidade Brasileira
    • Quando o transporte público será prioridade? (p. 2)
    • Filosofia
    • Filosofia, um eterno jogo de saberes (p. 4)
    • Ciências Naturais
    • Pesquisa e inovação: o caminho do desenvolvimento (p. 5)
    • Sexualidade
    • Pornografia: a exigência sexual ilimitada (p. 6)
    • Pais e Filhos
    • Vida a dois: uma conversa com meus filhos e netos (p. 7)
    • Saúde e Bem-Viver
    • Os riscos da má alimentação (p. 8)
    • Arte na Escola
    • A dança como estímulo à criatividade e à socialização (p. 9)
    • Ensino Religioso
    • A religião faz parte da cultura (p. 10)
    • Diversidade Cultural
    • Que mundo jovem é esse? (p. 11)
    • Juventudes
    • Um projeto que completa 50 anos, não por acaso (p. 12 - 13)
    • Projeto Pedagógico
    • Mundo Jovem: o toque inicial para a leitura (p. 14)
    • Língua e Literatura
    • Dicas para aprender a escrever bem (p. 15)
    • Psicopedagogia
    • A brincadeira que dá certo na escola (p. 16)
    • Educação
    • Enem: determinando currículos (p. 17)
    • Sociologia
    • Projeto do Código Penal: uma reforma que precisa de reforma (p. 18)
    • Educação Ambiental
    • Cidades e assentamentos urbanos sustentáveis (p. 19)
    • Política e Cidadania
    • Conjuntura política mundial: entre a barbárie e a civilização (p. 20)
    • Geografia
    • Brasil, uma potência continental (p. 21)
    • História
    • Império Russo: da construção do Estado à Revolução (p. 22)
    • Curtas e Dicas
    • Curtas e Dicas (p. 23)
Envie para seu amigo Fechar

Você pode compartilhar o conteúdo que estava lendo com amigos, familiares ou colegas. Basta preencher os campos abaixo!